7 estratégias de marketing para e-commerce de moda

Confira dicas para alcançar novos clientes para o seu e-commerce de moda

O comércio eletrônico tem crescido nos últimos anos no Brasil, vencendo a desconfiança dos consumidores quanto às compras online. E um dos setores que mais é responsável por esse crescimento é o e-commerce de moda.

De acordo com o 41º Webshoppers, no último ano, o segmento de moda e calçados registrou aumento de 30% no número de pedidos online.

Porém, também é um segmento com uma grande concorrência. Ao criar um e-commerce de moda, o seu negócio vai estar concorrendo com milhares de outras lojas, incluindo as gigantes fast fashion, que há tempos estão no mundo online.

Então, em um universo de tantas ofertas, como chamar a atenção do consumidor? Neste artigo, você vai ver algumas dicas de marketing especialmente para o seu e-commerce de moda.

Confira! 👇

1 – Produza conteúdo

A produção de conteúdo é a forma mais indicada para alcançar o público para o seu negócio organicamente, ou seja, sem pagar por divulgação.

Você pode criar um blog ou um canal no YouTube e produzir conteúdo sobre moda. Assim, vai alcançar pessoas que se interessam pela área e que, consequentemente, podem se interessar também pelo que você vende.Se optar pelo blog, inclua links para a sua loja no seu artigo. E se escolher gravar vídeos, encerre-os convidando as pessoas a conhecerem o seu e-commerce de moda.

Blog e YouTube de e-commerce de moda
Imagem: Rawpixel

Mas lembre-se de priorizar a qualidade do conteúdo e de colocar em prática as técnicas de SEO (Search Engine Optimization) para que o seu material seja encontrado com facilidade no Google.

Se você ainda não se sente preparado para criar o próprio blog ou canal, mas tem conhecimento na área, pode se oferecer para participar como convidado em algum já conhecido no mesmo segmento.

2 – Invista em mídia

Apesar do potencial do marketing de conteúdo, para quem vende online, o investimento em mídia é quase inevitável. Afinal, é a maneira mais eficiente de fazer com que as pessoas saibam que o negócio existe.

Mas o recomendado é que você comece com cautela, fazendo testes. Faça pequenos investimentos inicialmente e veja como o seu público vai reagir ao seu negócio.

Você pode comprar anúncios no Instagram, no Facebook e no Google, por exemplo.

E para saber o impacto de suas campanhas, você deverá observar os resultados. As próprias ferramentas de anúncio já disponibilizam relatórios analíticos, mas o ideal é que você utilize um recurso mais completo, como o Google Analytics.

3 – Esteja nas redes sociais

É essencial explorar o poder das imagens nas redes sociais, principalmente se tratando de um e-commerce de moda. Segundo o 41º Webshoppers, as redes sociais são o principal caminho que leva para as lojas online do segmento.

Canais como o Instagram e o Pinterest têm forte apelo visual e costumam ser bastante frequentados por quem se interessa por esse assunto.

Moda no Pinterest
Imagem: Moda no Pinterest (reprodução)

É interessante que você pense nas redes sociais como a vitrine do seu e-commerce de moda. Por isso, publique fotos de boa qualidade, capriche na descrição dos produtos e lembre de fornecer informações importantes para os seus clientes. E, claro, deixe o link para compra!

Inclusive, toda a experiência do seu cliente pode acontecer nas redes sociais, desde a descoberta até a compra do produto. Isso graças a recursos como o Instagram Shopping.

👉 Quer saber como habilitar a função na sua rede social? Então confira um tutorial no canal do Melhor Envio no YouTube: Instagram Shopping: guia em 5 passos para configurar sua loja.

As redes sociais também são um importante canal de comunicação do seu negócio com o seu cliente. Então esteja atento aos comentários e busque tirar as dúvidas dos seus seguidores.

Você também pode incentivar a interação com o seu e-commerce de moda. Uma prática bastante utilizada para isso ultimamente é a dos desafios nas redes sociais. Você pode desafiar os seus seguidores a postarem um look com uma peça comprada na sua loja, por exemplo. Basta pedir que a foto seja postada marcando o seu negócio. Isso vai gerar divulgação gratuita para a sua loja.

4 – Faça parcerias com influenciadores digitais

Os influenciadores digitais já são parte da maioria das estratégias de marketing. E podem ser especialmente interessantes se tratando do segmento de moda.

Influenciadores digitais são pessoas com milhares de seguidores engajados nas redes sociais, que usam sua imagem e influência para recomendar produtos.

Mas, afinal, porque os digital influencers vão ajudar o seu negócio a vender mais? É simples! Porque é muito mais fácil o consumidor confiar em alguém que poderia ser um amigo do que em uma empresa que está recomendando o próprio produto.

Para conseguir essa divulgação para o seu e-commerce de moda, você pode enviar um produto como presente e esperar que o influenciador poste algo em suas redes sociais.

Mas tenha cuidado na hora de escolher esse parceiro! Essa pessoa deve falar a mesma linguagem da persona do seu e-commerce e alcançar o público que você deseja.

👉 Confira mais dicas neste artigo: Influenciadores digitais funcionam no e-commerce?

5 – Realize ações promocionais

Além do potencial dos influenciadores digitais, outra forma de estimular os seus seguidores a consumir é através de ofertas.

Você mesmo já deve ter comprado algo só porque estava em promoção, não é mesmo?!

👉 Aproveite e confira este artigo em nosso blog: Gatilhos mentais para e-commerce: poderosas técnicas de persuasão para quem quer vender mais


Mas seja honesto com os seus consumidores! A prática de alguns negócios de aumentar os preços primeiro para depois reduzir e anunciar uma promoção não é nada recomendada. Pode, inclusive, afastar compradores que há tempos acompanham os seus preços.

Cupom de desconto em e-commerce de moda
Imagem: Cupom de desconto na loja virtual da Marisa disponível na Cuponeria (reprodução)

Uma boa ideia para o seu negócio pode ser oferecer cupons de desconto. Eles podem ser compartilhados nas suas redes sociais para incentivar os seus seguidores a uma primeira compra ou ainda enviados para os seus clientes como brinde na embalagem de um produto para incentivar uma nova compra.

Mas o que oferecer no cupom de desconto? Você pode oferecer um valor fixo ou uma porcentagem de desconto em determinado produto ou ainda frete grátis.

6 – Explore as datas comemorativas

Datas especiais, como Natal e Dia das Mães, costumam vender muito mais do que dias comuns. E você pode aproveitar para encaixar suas promoções nestas épocas.

Mas lembre que uma ação promocional exige muito planejamento e, claro, divulgação.

Você pode começar analisando as datas interessantes para o seu negócio e criando um calendário.

7 – Capriche na “Unboxing Experience”

A expressão, em português, se refere à “experiência de tirar algo da caixa”. E, ao trazer o termo para a realidade do seu e-commerce de moda, a ideia é garantir uma boa experiência para o seu cliente. Isso aumenta as chances de fidelizá-lo.

👉 Quer saber como colocar o “Unboxing Experience” em prática? Então confira algumas dicas nesse vídeo do canal do Melhor Envio no YouTube:

Os vídeos de unboxing experience se popularizaram nos últimos anos e existem influenciadores digitais especializados no assunto. Eles recebem os produtos em casa para testar e gravam todo o processo de “abrir a caixa”, compartilhando a experiência com milhares de seguidores.

Além dos influenciadores digitais, o capricho com a embalagem pode gerar divulgação espontânea com qualquer cliente do seu e-commerce de moda. É muito comum que as pessoas compartilhem experiências assim nas redes sociais e marquem a loja.

Uma dica extra

Com todas essas dicas, você está pronto para alcançar novos clientes para o seu e-commerce de moda. Mas mais do que novos clientes, é saudável para o seu negócio que você mantenha os que já tem, não é verdade?!

E para isso, é fundamental que você garanta a eles uma experiência interessante, do início ao fim. Então, lembre-se que a sua responsabilidade com o consumidor não termina na hora da compra. Ela envolve também a entrega da encomenda!

E essa etapa começa oferecendo um frete atrativo para o seu cliente. Você sabia que o alto custo da entrega é um dos principais motivos para a desistência da compra no comércio eletrônico?

Então, ofereça um frete competitivo no seu e-commerce: conheça o Melhor Envio!

Com a tecnologia do Melhor Envio você pode comparar condições oferecidas por diferentes transportadoras (inclusive Correios) e escolher a que melhor atende o seu negócio. 

Você ainda tem à disposição ferramentas como a calculadora de fretes e pode fazer o acompanhamento das entregas através do Melhor Rastreio.

E você pode usar o Melhor Envio independentemente do tamanho do seu negócio. Isso porque não tem limite mínimo de envios, nem mensalidade.

Então se cadastre no Melhor Envio e simplifique o frete do seu e-commerce de moda!

Posts relacionados

Deixe um comentário