Como trabalhar com produtos grandes no e-commerce

Cansado de esbarrar nas dificuldades do envio de produtos de maior porte? No post de hoje nós trazemos as soluções para ajudá-lo!

 

Desenvolver uma logística de entrega eficiente passa pela escolha correta das alternativas dentro da realidade do transporte dos seus produtos. E nós sabemos o quanto é difícil para quem vende no e-commerce encontrar essas opções. Ainda mais se você trabalha com artigos de volume maior.

Por isso, decidimos produzir este artigo focado em reunir dicas capazes de contribuir para a gestão das suas entregas ser mais fácil, prática e econômica!

 

Neste artigo você vai conferir:

  • O panorama das adversidades de quem atua com produtos de maior porte 
  • Os limites de postagens pelos Correios e transportadoras privadas
  • Como a cubagem influencia no cálculo de frete
  • A importância de buscar métodos assertivos de envio
  • As vantagens de uma solução de fretes

 

O desafio de quem vende produtos maiores

Quando se tem um produto relativamente pequeno (com menos de 400 cm cúbicos) pode ser interessante optar pelas entregas dos Correios. De uma forma geral, a estatal oferece valores mais baixos para produtos com dimensões menores.

O mesmo nem sempre ocorre com uma transportadora privada (apesar de ser possível), já que, para uma empresa de logística, pode não ser tão lucrativo deslocar um caminhão para entregar um objeto muito pequeno.

Entretanto, a situação muda quando é preciso enviar encomendas maiores, pois os Correios aceitam pacotes com no máximo 105 cm X 105 cm X 105 cm e até 30 kg. Por outro lado, as transportadoras privadas apresentam um rol de opções muito mais amplo. 

 

Envio de produtos pelos Correios devem medir até 105 cm em cada uma das dimensões e pesar até 30 kg
Envio de produtos pelos Correios devem medir até 105 cm em cada uma das dimensões e pesar até 30 kg

Em busca de uma fonte viável para enviar encomendas

Outra particularidade das entregas, via Correios, é a de que se o seu pacote ultrapassar 70 cm em alguma das dimensões (altura, largura ou comprimento) ou não for empacotado em forma retangular (como no caso de objetos cilíndricos, esféricos e em rolo), você terá que pagar uma taxa adicional de R$ 79,00 para os Correios aceitarem a sua postagem (valor praticado até data desta publicação). 

Isso acontece devido aos volumes — que não estejam acondicionados em caixas — terem formas que não sejam retangulares. Ou, lembrando, quando um de seus lados for superior a 70 cm. Em ambos os casos, eles necessitam de um tratamento diferenciado no fluxo postal dos Correios. 

Estes objetos são caracterizados como de manuseio especial por formato ou dimensão. Veja:

Produtos que necessitam de tratamento diferenciado no fluxo dos Correios são aceitos só mediante pagamento de tarifa adicional
Produtos que necessitam de tratamento diferenciado no fluxo dos Correios são aceitos só mediante pagamento de tarifa adicional

 

Então, quando você trabalha com volumes maiores, as transportadoras privadas podem, em alguns casos, ser a opção mais acertada. Ou seja, quando o seu negócio se encaixa neste tipo de perfil, o caminho a seguir tem boas chances de estar no setor privado.

Leia também: Como enviar encomendas grandes ou em formatos especiais

Ainda assim, vale conferir o funcionamento das postagens via Correios, afinal, eles possuem a maior cobertura nacional. 

Consulte aqui os limites máximos aceitos pelos Correios.

Saiba como fazer cálculo de cubagem

Como trabalhar com produtos grandes no e-commerce

Se você ainda é novo no e-commerce, ou está em busca de alternativas para economizar no frete, faremos aqui um alerta: entenda como funciona o cálculo da cubagem!

Então, independentemente do porte dos produtos que você vende, saber calcular a cubagem — que é a unidade de medida empregada para identificar o espaço que o volume irá ocupar durante o transporte — é fundamental.

Ter essa compreensão está entre as maiores garantias de que o seu negócio irá pagar um preço justo pelos fretes. Afinal, esta é a unidade de medida utilizada por todas as transportadoras para precificar os envios.

Se você se interessou pelo assunto, temos um artigo que trata exclusivamente do tema: A importância da cubagem no frete para e-commerce

Como garantir bons métodos de entrega

Agora que você já percebeu que para enviar encomendas de grande porte será preciso procurar entre os serviços oferecidos pelas transportadoras privadas, vamos às dicas para esta etapa!

Para quem ainda está começando no e-commerce, a dificuldade maior será ter um volume de vendas que justifique um contrato com as empresas de transporte. Ou seja, para negociar com as transportadoras e conseguir valores e condições competitivas, o seu negócio precisa ter uma quantidade acentuada de pedidos.

Mas e os vendedores que ainda não atingiram este patamar? Caem em um limbo? Isso vai depender da estratégia que o lojista decidir colocar em prática. Porém, com a ajuda de uma solução de fretes, é possível resolver esse impasse e ainda obter uma série de vantagens.

É sobre este assunto que vamos falar a seguir!

Conheça uma solução de fretes

Como o próprio nome indica, uma solução de fretes é uma plataforma destinada a eliminar obstáculos na área da logística. Entretanto, o que isso realmente quer dizer? Significa que com o uso da tecnologia, você pode automatizar diversos processos de entrega do seu e-commerce!

Entre os principais serviços disponíveis em uma plataforma estão o cálculo de frete, o que facilita (e muito!) a vida dos lojistas virtuais. As vantagens, entretanto, podem ser ainda mais amplas!

Afinal, para disponibilizar a cotação de frete com diversas transportadoras, uma solução — ou um gateway de frete — como também é chamada, negocia grandes contratos com as firmas de logística. 

E é neste ponto que abrem-se diversos caminhos para potencializar o seu e-commerce através de uma gestão assertiva de frete. Ao utilizar um gateway, você pode acessar os benefícios exclusivos que, antes, ficavam restritos apenas aos grandes lojistas que conseguiam fechar contratos com as transportadoras. 

A questão principal que chamamos a atenção aqui é a de que isoladamente é bastante difícil empreendedores iniciantes, ou de menor porte, preencherem os requisitos contratuais mínimos. Sem falar que muitas vezes eles não condizem com a realidade do seu negócio.

 

Como trabalhar com produtos grandes no e-commerce

Logo, se você vende produtos grandes demais para serem transportados via Correios e ainda não possui um volume alto de clientes para contratar diretamente uma transportadora, seus problemas chegaram ao fim!

Outro aspecto interessante do uso desse tipo de tecnologia é a ampliação da capacidade de oferecer alternativas de envio aos clientes. Fretes mais baratos ou entregas mais rápidas. Ou ambos. Seu frete precisa ser atrativo para o consumidor e para isso você precisa ter mais chances de escolha.

 Através de uma plataforma, vendedores online podem realmente ter poder de escolha na hora de enviar os pedidos e ainda diversificando as formas de transporte de seus produtos!

Leia mais em: O que é uma solução de fretes e por que utilizar uma?

Ter um frete de acordo com a sua realidade é possível!

Se você chegou até aqui é porque o tema de hoje dizia muito sobre as adversidades que o seu e-commerce enfrenta para ter sucesso. 

E é exatamente pensando na sua identificação com este cenário que vamos apresentá-lo a uma solução de fretes capaz de ajudar a alavancar o seu negócio a partir das entregas: o Melhor Envio.

Em nossa tecnologia, é fácil cotar frete com Correios e transportadoras privadas e escolher qual serviço é mais competitivo para você e os seus clientes.

Outro detalhe é que a plataforma é gratuita, você paga apenas pelos fretes gerados em nosso sistema. Tudo isso sem negociar contratos individuais ou ter um volume mínimo de envios! Vale conferir!

Posts relacionados

Deixe um comentário