Como a pesquisa por imagem pode ser aliada do seu e-commerce

Descubra o que é pesquisa por imagem e como ela pode fazer a diferença no seu negócio!

Quando o assunto é tecnologia, as transformações acontecem em ritmo bastante acelerado. O que ontem era garantia de resultados sólidos pode não resolver os problemas de hoje. E assim o e-commerce continua passando por uma série de mudanças. Entre as diversas tendências em alta no mercado, a pesquisa por imagem é uma das mais interessantes para os pequenos e médios lojistas. Mas afinal, o que é pesquisa por imagem? E como ela pode ajudar o seu negócio a encontrar novos clientes? Responderemos a essas e outras perguntas neste texto. Boa leitura!

Você vai descobrir lendo este texto:

  • O que é pesquisa por imagem
  • O que a pesquisa por imagem pode fazer pelo seu e-commerce
  • Como aplicar a pesquisa por imagem na sua loja virtual

O que é pesquisa por imagem?

Como o próprio nome indica, a pesquisa por imagem é uma maneira de fazer buscas na internet com o auxílio de informações visuais. Funciona assim: em vez de digitar um determinado termo no Google, o usuário pode tirar uma foto ou fazer um print e, a partir da imagem, iniciar sua navegação pelos resultados disponibilizados. 

A popularização dos smartphones — com suas câmeras cada vez mais potentes — está ajudando a impulsionar a tecnologia de busca visual. Mas não é só isso. Segundo um estudo, 74% dos consumidores acham a pesquisa por texto ineficiente para encontrar produtos na internet. Ou seja: existe uma demanda do mercado para novos formatos de busca.  

Para o e-commerce, os aplicativos Google Lens e Pinterest são bons exemplos de ferramentas de pesquisa por imagem. O funcionamento de ambos é bastante parecido. Basta apontar a câmera do celular para o objeto que você deseja pesquisar e os resultados mais relevantes sobre o produto aparecerão na sua tela. 

O Google Lens é uma poderosa ferramenta de busca visual. O aplicativo reconhece produtos com facilidade e direciona os usuários para as opções de compra. 

O que a pesquisa por imagem pode fazer pelo seu e-commerce?

A pesquisa por imagem corta vários caminhos e simplifica a vida do consumidor. Uma loja virtual pode se destacar da concorrência ao adaptar sua estrutura para a tecnologia. De acordo com uma pesquisa da Slyce, os e-commerces adaptados à busca visual possuem alguns dados interessantes:

  • a visualização dos produtos aumenta 48%
  • a taxa de permanência no site cresce 58%
  • o ticket médio aumenta em 9%

Outro estudo (este da Criteo) afirma que empresas amigáveis a novas tecnologias — como busca visual e por voz — terão um aumento de até 30% nas receitas do e-commerce até 2021. Surpreendente, não acha? Esses dados servem para comprovar a crescente relevância da pesquisa por imagem no comércio eletrônico. E agora que já sabe como a pesquisa por imagem pode fazer o seu negócio crescer, é hora de ver como implementá-la. Vamos lá?

3 passos para aplicar a pesquisa por imagem na sua loja virtual

A pesquisa por imagem está relacionada com estratégias de SEO (Search Engine Optimization). Você provavelmente já está acostumado com o termo, mas vamos refrescar sua memória. Em resumo, o objetivo das táticas de SEO é colocar o seu site nas primeiras posições em buscadores como o Google. 

Caso você não saiba, o Google trabalha com uma série de diretrizes. Elas servem para decidir quais sites são mais relevantes e, por isso, devem ser exibidos primeiro nas buscas feitas pelos usuários. Quem cria conteúdo dentro dessas diretrizes tem mais chances de se destacar na plataforma. 

O mecanismo é o mesmo nas buscas visuais. Ou seja: você precisa prestar atenção a boas práticas de SEO para aplicar a pesquisa por imagem na sua loja virtual. Confira 3 passos que vão guiá-lo nesse caminho:

1) Insira palavras-chaves nos nomes dos seus arquivos de imagem

Procure nomear os seus arquivos de imagem com palavras-chaves relacionadas ao conteúdo da foto. Isso ajuda os mecanismos de busca a entenderem do que a página se trata. 

Vamos citar um exemplo para ficar mais claro, ok? Imagine que o seu e-commerce vende capas para celular. Você acabou de receber um novo modelo, estampado com um famoso personagem da Disney. 

Ao cadastrar o novo produto, é uma boa prática nomear os arquivos de imagem com termos que o descrevam. Com isso em mente, o nome “capa para celular disney.jpg” vai ser muito melhor que algum outro título aleatório. 

Assim, quando você cadastrar o produto e a imagem “subir” para o seu site, os buscadores conseguirão entender melhor o que aquele produto é. Consequentemente, quando alguém pesquisar (seja por texto ou imagem) por uma capa para celular da Disney, mais chances você tem de aparecer nos resultados da busca.

2) Use imagens de boa qualidade (mas cuidado com o tamanho dos arquivos!)

A qualidade das imagens em suas páginas de produto é importante tanto para os clientes quanto para os mecanismos de busca. Para os clientes, uma imagem em boa qualidade significa a possibilidade de visualizar melhor o produto desejado. Além disso, os algoritmos dos mecanismos de busca também conseguem “enxergar” melhor imagens com boa resolução.

Só tome cuidado para não exagerar no tamanho dos arquivos! Lembre-se: cada vez mais pessoas acessam a internet via dispositivos móveis. Imagens muito grandes tornam o carregamento do site mais lento. E isso também influencia na sua posição nos mecanismos de busca. O Google prefere exibir sites otimizados para o mobile nas primeiras posições.

Leia também: como colocar sua loja virtual na primeira página do Google

3) Suas imagens devem estar acompanhadas de descrições textuais detalhadas

Os consumidores desistem de comprar na internet quando não encontram informações suficientes sobre o produto. De acordo com o relatório EQI, apenas 13% das pessoas retornam a sites com descrições ruins. O algoritmo do Google está de olho nesse aspecto! 

Se quiser que a sua pesquisa por imagens decole, invista em páginas de produto informativas. Testes realizados pela Lett, empresa de trade marketing digital, mostraram que páginas de produto com mais de 300 palavras na descrição capturam a atenção do usuário por um tempo 43% superior em relação às páginas de produto com palavras insuficientes. Foque na combinação imagem e texto para aumentar sua taxa de conversão!

Conclusão

A pesquisa por imagem é uma tendência com grande potencial de consolidação. Os lojistas mais atentos podem começar a surfar nessa onda desde agora. Use as dicas deste post na hora de cadastrar novas imagens no seu e-commerce. Com o tempo, os mecanismos de busca vão perceber o seu esforço e você será recompensado com um aumento no tráfego do seu site!

Gostou de saber mais sobre a pesquisa por imagem? Se assuntos como tecnologia e inovação são do seu interesse, é hora de conhecer o Melhor Envio. Somos uma plataforma que facilita a logística para quem tem e-commerce. Com a gente, é possível cotar fretes e comparar condições entre transportadoras — inclusive Correios — simultaneamente, tudo com poucos cliques. Não tem mensalidade e você só paga pelos fretes que gerar.

Posts relacionados

Deixe um comentário