Tendências do e-commerce para o Natal 2019

A comemoração do dia 25 de dezembro não acabou, mas está passando por transformações. Continue lendo e confira as principais tendências para o Natal 2019, uma das maiores datas comemorativas do ano!

O seu e-commerce está preparado para o Natal 2019? A edição passada da data comemorativa registrou números impressionantes no Brasil. De acordo com dados da Ebit | Nielsen, foram mais de 5 milhões de pedidos, R$ 2,54 bilhões faturados e um ticket médio de R$ 475. Só para ter uma ideia, esse período concentrou 10% de toda a arrecadação do comércio eletrônico em 2018!

Mesmo assim, muita gente fala que o Natal deixou de ter relevância por causa da Black Friday. Mas os números mostram que isso não condiz com a realidade. O comportamento do consumidor é que mudou: ele agora enxerga Black Friday, Cyber Monday e Natal como uma temporada unificada de vendas. 

Lojistas antenados podem aproveitar esse novo cenário para traçar estratégias voltadas ao aumento das vendas de fim de ano. Pronto para conferir as principais tendências para o Natal? Então vamos lá! Boa leitura!

A Black Friday não matou o Natal! 

Não matou mesmo! A diferença é que, agora, Black Friday, Cyber Monday e Natal formam uma grande temporada de vendas. Inclusive, é cada vez mais comum que os consumidores aproveitem a Black Friday para antecipar as compras de Natal. Uma pesquisa feita pela Social Miner mostra a consolidação dessa tendência:

natal 2019
Segundo dados da Social Miner, mais da metade dos consumidores aproveitaram edições passadas da Black Friday para adiantar as compras de Natal. Imagem: Social Miner (reprodução).

Após responderem a pergunta do gráfico acima, os consumidores que aproveitaram a Black Friday para antecipar as compras de fim de ano foram questionados se pretendiam comprar novamente no Natal. Mais de 70% responderam afirmativamente! 

Mais de 70% das pessoas que aproveitaram a Black Friday para antecipar as compras de fim de ano pretendem comprar novamente no Natal. Imagem: Social Miner (reprodução).

O padrão de consumo é diferente nas duas datas

Natal e Black Friday têm padrões de consumo diferentes. Na grande liquidação de novembro, bens duráveis (eletrodomésticos, móveis, eletroeletrônicos) e de uso pessoal são campeões de venda. Já o Natal é uma data caracterizada pelo hábito de presentear amigos e familiares. As categorias mais procuradas para o dia 25 de dezembro são:

  • Acessórios
  • Alimentos e bebidas 
  • Beleza 
  • Brinquedos
  • Moda
  • Perfumaria

E quem recebe mais presentes? Os familiares vêm em primeiro lugar, seguidos por cônjuges e amigos. Além disso, uma porcentagem considerável pretende aproveitar o Natal para se autopresentear. Veja mais detalhes no gráfico abaixo: 

imagem mostra a intenção de compra para o natal
Imagem: Social Miner (reprodução).

Dica: o tema central do Natal é presentear outras pessoas. Tenha isso em mente na hora de desenvolver sua comunicação promocional. É importante saber conversar com o apelo emocional da data. 

4 estratégias de divulgação para vender mais no Natal 2019

Preço competitivo, variedade de meios de pagamento, site responsivo, atendimento qualificado. Essas características são essenciais para qualquer loja virtual. Mas é preciso ir além. Quem quer vender pela internet precisa ter estratégias (sim, no plural!) de divulgação. Não adianta oferecer boas condições aos clientes se eles não souberem que o seu negócio existe, não acha? Confira 4 dicas para acertar na divulgação e vender mais no Natal 2019.

1) Redes sociais

Em pleno 2019, falar da importância das redes sociais é chover no molhado. Plataformas como Facebook e Instagram já mostraram sua eficiência na conversão de clientes. Mas por que ficar apenas nas mais conhecidas? Cogite a possibilidade de explorar novas redes — desde que elas façam sentido para o seu negócio, é claro. 

  • LinkedIn: com mais de 35 milhões de usuários no Brasil, o LinkedIn pode ser um aliado poderoso para e-commerces do nicho empresarial. Uma loja de móveis para escritório, por exemplo, pode encontrar na rede social um excelente canal de vendas.
  • Pinterest: a rede ultrapassou a marca de 300 milhões de usuários e tem se mostrado, proporcionalmente, capaz de gerar mais tráfego que Facebook, Snapchat e Twitter. Outra coisa interessante: 90% dos usuários afirmam usar o Pinterest para tomar decisões de compra. Moda, beleza, cosméticos, decoração, arquitetura, turismo e gastronomia são nichos extremamente populares na rede social. Aproveite e leia mais sobre Pinterest para e-commerce!
  • WhatsApp: apesar de não ser exatamente uma rede social (e sim um serviço de mensagens), o aplicativo tem ocupado um papel cada vez maior nas relações empresa x cliente. Segundo dados da Opinion Box, 68% das pessoas usam o WhatsApp para conversar com marcas e 50% consideram o aplicativo adequado para compra de produtos ou serviços.

2) E-mail marketing 

Sabe aquele papo de que o e-mail é algo ultrapassado? Pode esquecer! O e-mail marketing tem o maior ROI (Return on Investment) do mercado e, por isso, mais de 70% das empresas brasileiras o adotam como estratégia. Ou seja: o e-mail marketing converte. Conquistou leads durante suas ações de Black Friday? Aproveite o Natal 2019 para alimentá-los com e-mails promocionais!

3) Remarketing

Em resumo, fazer remarketing é trabalhar para reengajar pessoas já interessadas na sua marca — alguém que abandonou um carrinho, por exemplo. Uma estratégia de remarketing seria enviar um e-mail para esse cliente e convidá-lo a concluir a compra. Leia mais sobre o assunto no blog da Rock Content!

4) Retargeting

Sabe quando você deixa um produto no carrinho de uma loja virtual e ele simplesmente começa a aparecer para você em tudo quanto é canto? Isso é retargeting! Ferramentas como Facebook Ads e Google Ads permitem que você crie anúncios com base no comportamento anterior dos visitantes do seu site. Isso potencializa bastante as suas conversões, pois você exibe anúncios para pessoas já interessadas no seu produto. 

Aproveite a modernização do amigo-secreto no natal 2019

As festas de amigo-secreto são bastante populares no fim do ano. Goste você ou não, o fato é que muitas pessoas participam da brincadeira. E isso abre uma janela de oportunidade para quem vende pela internet. A gente explica: nem mesmo o amigo-secreto ficou imune às transformações tecnológicas. Agora, existem sites criados para realizar o sorteio entre os participantes de forma 100% online, sem papeizinhos envolvidos no processo!

O site AmigoSecreto.com.br é um deles. Sua função principal é criar grupos para facilitar os sorteios nas festas de amigo-secreto. Ele é gratuito, fácil de usar e tem de 2,4 milhões de pessoas cadastradas. O ponto interessante para o lojista é a possibilidade de anunciar produtos na vitrine de presentes do site. Assim, os usuários que estiverem procurando opções de presente poderão visualizar os produtos da sua loja virtual. Interessante, não acha? Veja como participar do site clicando aqui!

Venda enfeites natalinos

Adicionar enfeites natalinos ao mix de produtos da sua loja virtual pode ser uma boa ideia, principalmente se você já trabalha com artigos de bazar. Essa dica é ainda mais interessante para quem vende em marketplaces. Segundo a B2W, dona de gigantes como Americanas.com, Submarino e Shoptime, sempre há demanda por esse tipo de produto nas lojas da rede. 

Confira alguns enfeites natalinos que são tendência:

  • Árvores com 2,10m 
  • Árvores decoradas (com kit de enfeites)
  • Bolas natalinas (com destaque para as decoradas com personagens da Disney e super-heróis)
  • Luzes natalinas
  • Guirlandas
  • Presépios

Talvez você também queira ler sobre as vantagens e desvantagens de vender em marketplace!

Ofereça entregas expressas para fisgar consumidores de última hora

Segundo uma pesquisa de intenção de compra para o Natal feita pela Social Miner, mais de 30% dos consumidores pretendem começar a pesquisar suas compras para a data com 15 dias de antecedência — um prazo apertado para quem vende pela internet. É por isso que é tão importante oferecer variedade de prazos de entrega. Oferecer um frete mais caro (mas mais rápido) pode ajudá-lo a fisgar esses consumidores. 

Não acredita? Outro estudo — esse da PwC — afirma que 64% das pessoas pagariam um frete mais caro se isso significasse uma entrega mais rápida. Pare e pense: para garantir o presente de uma pessoa especial, você não pagaria um pouco a mais pelo frete? Levar em consideração esse detalhe aparentemente simples pode aumentar suas conversões e evitar desistências em razão do prazo de entrega.

Tendência para o Natal 2019: modalidade de click & collect (comprar online e retirar em loja física) cresce cada vez mais aqui no Brasil. Se viável para o seu negócio, vale a pena cogitar a adoção da estratégia. O click & collect pode ser útil para atrair clientes da sua própria cidade, por exemplo, além de eliminar o seu trabalho com expedição.

Gere fretes competitivos com o Melhor Envio

Você já ouviu falar no Melhor Envio? Nossa tecnologia pode ajudar o seu e-commerce a economizar tempo na gestão de fretes. Em vez de cotar individualmente com diferentes empresas de transporte, use o Melhor Envio e compare condições entre Correios e transportadoras privadas simultaneamente, com poucos cliques!

Por ter um grande volume de usuários, nossa plataforma consegue negociar condições especiais com as empresas de transporte, repassando fretes mais competitivos para os pequenos e médios empresários do e-commerce. Mais de 8 mil lojistas usam o Melhor Envio todos os meses e aproveitam o poder da tecnologia para otimizar a gestão logística de seus negócios. Faça como eles! 

  • Plataforma gratuita: você só paga pelos fretes que gerar 
  • Simule seus envios com poucos cliques
  • Ofereça fretes mais competitivos sem necessidade de contratos individuais com transportadoras

Posts relacionados

Deixe um comentário