Descubra como calcular frete impacta o lucro do seu e-commerce

Quer diminuir os abandonos de carrinho na sua loja virtual e vender mais? Então leia este texto e veja como o cálculo do frete pode impactar o lucro de um e-commerce!

A expressão “calcular frete” coloca medo em lojistas do Brasil inteiro, mas não só neles. Os clientes também temem o valor da entrega! Segundo dados do E-commerce Trends 2018, mais de 80% dos abandonos de carrinho são causados por esse motivo. E por que o frete incomoda todo mundo no comércio digital? As respostas a essa pergunta são inúmeras. Uma delas é bastante intuitiva: de acordo com o IBGE, cerca de 60% do transporte de cargas no Brasil é feito pelo modal rodoviário. 

Esse tipo de transporte está sujeito a diversos fatores capazes de encarecer o valor final do frete: preços dos combustíveis, grandes distâncias, impostos e até mesmo roubos de cargas. Porém, apesar das dificuldades operacionais, o frete pode impactar positivamente o lucro de um e-commerce. É sobre esse assunto que iremos falar neste texto. Boa leitura! 

Como calcular frete?

Antes de falar sobre os impactos da logística no lucro do e-commerce, é preciso dizer que Correios e transportadoras privadas têm diferentes formas de calcular frete. Entretanto, alguns dados são utilizados de maneira universal por todas as empresas. São eles: 

  • CEP de origem
  • CEP de destino
  • Peso
  • Dimensões (Altura, Largura, Comprimento) 

A modalidade de entrega também é outro fator utilizado pelas transportadoras no processo de precificação. Via de regra, opções mais rápidas (expressas) são mais caras que opções mais lentas (econômicas). 

Cubagem (cálculo do peso cúbico) 

Além do peso real, transportadoras privadas e Correios utilizam o peso cúbico de um objeto para calcular o valor do frete. O peso cúbico leva em consideração o volume de espaço ocupado pelo item em relação ao seu peso. Imagine a seguinte situação: a caixa X (cujas dimensões são 40x60x40cm) está repleta de livros. A caixa Y, exatamente do mesmo tamanho, contém apenas pequenas almofadas. 

A caixa Y com certeza é mais leve que a caixa X, mas ambas ocupam o mesmo espaço em um veículo. E as transportadoras precisam levar isso em conta para cobrar um preço justo. Por isso o peso cúbico existe! Ele pode ser calculado por meio da seguinte fórmula: 

(C x L x A)/fator de cubagem 

Legenda: 

  • C = Comprimento (em cm)
  • L = Largura (em cm)
  • A = Altura (em cm)
  • Fator de cubagem = varia de acordo com a transportadora. Os Correios utilizam 6000 como padrão.

Importante: o peso cúbico será desconsiderado quando for menor que o peso real.

Calcular frete Correios

Os Correios permitem simulação do valor do frete de forma rápida via site ou aplicativos para dispositivos móveis. Além disso, é possível integrar o Calculador Remoto de Preços e Prazos da estatal ao site do seu e-commerce. Não há necessidade de firmar contrato para ter acesso a essa funcionalidade.

Esteja atento aos limites de dimensões e peso praticados pela estatal. Os Correios não enviam encomendas:

  • Com peso superior a 30kg
  • Com uma das dimensões maior que 105cm
  • Com soma das dimensões (C + L + A) maiores que 200cm
calcular frete no site dos correios
Simulação de cálculo de frete pode ser feita com praticidade no site dos Correios ou até mesmo em aplicativos.

Calcular frete com transportadoras

Cada transportadora tem suas próprias tabelas de frete e, por isso, é preciso cotar o envio individualmente com as empresas nas quais você tem interesse. Grandes transportadoras como Jadlog e Latam Cargo permitem simulações diretamente pela internet, o que facilita bastante a pesquisa e comparação de preços. Outra opção é entrar em contato com essas empresas e solicitar informações sobre as tabelas de frete praticadas. 

Ou você pode simplesmente usar um gateway de fretes para facilitar o processo de cotação. Falaremos sobre isso mais adiante, fique de olho!

A importância da embalagem para o lucro do e-commerce

Bem, agora já abordamos o básico sobre como funciona a precificação do frete. Chegou a hora de falar sobre os aspectos logísticos que influenciam diretamente no lucro de um e-commerce. A embalagem é um deles. Ela está diretamente relacionada à fidelização dos clientes e, portanto, ao lucro da sua loja virtual. 

Não acredita? De acordo com uma pesquisa feita com consumidores dos Estados Unidos, 38% dos entrevistados considerariam comprar da concorrência após receber um produto avariado. Além disso, para mais da metade dos respondentes (58%), a relação com a empresa ficaria prejudicada. 

Preste atenção ao preparar suas encomendas para o envio

  • Evite embalagens muito maiores que o seu produto para não pagar mais caro no frete — lembre-se do cálculo de peso cúbico!
  • Proteger a embalagem adequadamente ajuda a evitar avarias de mercadoria e, consequentemente, despesas com logística reversa.
  • É possível encontrar uma série de produtos criados especificamente para a proteção de embalagens: plástico bolha, isopor, espuma, travesseiros de ar, colmeia… A lista é longa!  

Ei! Nosso canal no YouTube tem um vídeo com 12 dicas de como embalar corretamente a mercadoria. Aproveite para assistir! 

Qual é a relação entre frete e lucro no e-commerce?

Como já falamos no começo do texto, o frete é uma “dor de cabeça” para lojistas e clientes. Em razão do valor da entrega, o consumidor desiste de fazer um pedido. O lojista perde a venda. Consequentemente, seu lucro fica prejudicado. Esse é um verdadeiro círculo vicioso no e-commerce

Para reverter esse cenário, é essencial disponibilizar opções mais competitivas de envio. Ou seja: calcular frete e procurar boas opções logísticas para oferecer aos clientes é vital para quem quer lucrar mais. Confira duas dicas rápidas para usar o frete como estratégia e aumentar as vendas:

  • Quando viável, ofereça frete grátis em datas comemorativas, mas condicione o benefício ao valor da compra. Exemplo: todos os produtos da loja com frete grátis nas compras acima de R$ 100. Essa estratégia ajuda a elevar o ticket médio do seu e-commerce. 
  • Forneça diferentes opções de envio (expressa, moderada, econômica) e deixe seu cliente escolher qual prefere. A comparação entre valores ajuda o consumidor a tomar a decisão de compra.

Quer se aprofundar sobre o assunto? Confira um infográfico com 5 dicas de como usar o frete para vender mais!

Entregas alternativas para reduzir o valor do frete e vender mais

Segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), 41,5% das lojas virtuais utilizam transportadoras de acordo com a região para a qual o envio será feito. Ao gerenciar tabelas de frete de acordo com a região, a empresa tem potencial de reduzir custos e consegue oferecer serviços de mais qualidade aos seus clientes. Mas essa estratégia não é a única forma de reduzir o valor do frete. Dependendo do contexto de cada negócio, podem existir maneiras alternativas de entregar uma encomenda. Confira 3 delas: 

Entregas sobre duas rodas: moto e bicicleta 

Não é uma alternativa viável para a grande maioria dos pedidos, é claro, mas entregas sobre duas rodas podem ser úteis para economizar no frete quando o cliente morar na mesma cidade da sua loja. Se essa alternativa fizer sentido para o seu negócio, não hesite em adotá-la!

Retirada em loja

O número de consumidores interessados em comprar pela internet e retirar em loja física está crescendo. Um dos motivos para isso é simples: o cliente não quer esperar pela entrega. Por isso, oferecer a opção de retirada em loja (se for viável para o seu negócio) irá alinhá-lo a essa tendência do e-commerce, eliminando a necessidade de calcular frete.

Entregas por ônibus

Muitas pessoas esquecem que essa modalidade existe, mas as entregas por ônibus podem representar uma grande economia no valor do frete! Você já consultou as tabelas de preços praticadas pelas empresas de ônibus da sua cidade? Acredite: pode valer muito a pena! 

Aproveite a tecnologia de um gateway de fretes

Calcular frete e comparar preços entre transportadoras pode ser uma tarefa extremamente complicada quando realizada manualmente. Por sorte, uma tecnologia conhecida como gateway de fretes surgiu para facilitar a vida de quem vende pela internet. 

Essas ferramentas conectam a sua loja virtual a diversas opções logísticas oferecidas pelo mercado. Um gateway faz a ponte entre e-commerces e transportadoras, automatizando o processo de cotação de fretes — que normalmente pode ser feito com poucos cliques dentro da interface dessas plataformas. 

Na prática, os gateways são empresas que têm contratos com várias transportadoras. Como possuem grande demanda, eles negociam valores mais competitivos em relação à média do mercado e os repassam para os usuários. Legal, não é? 

Veja por que você deveria começar a usar um gateway de fretes agora mesmo!

Calcular frete é mais fácil com o Melhor Envio

Esperamos que o texto tenha sido útil para você até aqui! Mas calma: ainda não acabou! Temos mais uma dica para otimizar a estratégia de fretes do seu e-commerce. Você já ouviu falar no Melhor Envio? Somos um gateway que ajuda lojistas de todo o país no envio de mais de 100 mil encomendas por mês.

E como fazemos isso? Com tecnologia! Usando nossa plataforma, é possível cotar fretes a condições competitivas com várias transportadoras ao mesmo tempo. E quanto a gente cobra por isso? Nada! O Melhor Envio é gratuito, você só paga pelas etiquetas que gerar na plataforma. Cadastre-se agora e comece a oferecer fretes mais competitivos para os clientes da sua loja virtual!

Posts relacionados

Deixe um comentário