Conheça o perfil dos consumidores digitais brasileiros

Um estudo divulgado recentemente pelo SPC levantou que 43% de todas as pessoas que usam a internet, costumam fazer as suas compras online com frequência. Uma ótima notícia para os empresários, especialmente considerando que o Brasil já é o terceiro país que mais compra online. E a tendência é que esse número aumente cada vez mais.
No entanto, os novos tempos não mudaram algumas das práticas mais clássicas do marketing para quem quer fazer o seu negócio decolar: conhecer a fundo o seu público. Para ajudar nessa tarefa temos a pesquisa Webshoppers, do Ebit, que em 2018 divulgou os resultados da sua 37ª edição.
Segundo a pesquisa, a maior parte dos compradores reside na região sudeste do país, seguido pelo sul e pelo nordeste. Outro item levantado pela pesquisa é o sexo dos clientes e o resultado é bem diferente do esperado. Quem achava que as mulheres são mais consumistas, talvez queira rever as suas estratégias, já que homens e mulheres frequentam lojas virtuais com a mesma intensidade, cada um com 50% do volume de aquisições.
Um dado interessante foi sobre o crescimento dos marketplaces no Brasil. O estudo mostra que a maioria dos clientes não sabe o que é um marketplace e só percebe que comprou de uma loja parceira quando recebe o produto. A venda de produtos em marketplaces representa aproximadamente 18,5% do total de vendas em comércio eletrônico no país.
Os três principais motivos apontados pelos clientes para escolher uma ou outra loja são melhor preço, mais variedade e a disponibilidade de produtos. Em quinto lugar aparece o frete mais acessível como fator decisivo para o fechamento da compra.
O frete aparece com muita importância também entre os itens que mais geram insatisfação nos clientes. 16% dos entrevistados pela pesquisa disseram que frete caro, com poucas opções, atrasos e impossibilidade de rastrear a encomenda podem acabar com a experiência de compra em um e-commerce e fazer o cliente optar por outro site.
Para deixar o seu e-commerce bem longe deste problema existe a plataforma do Melhor Envio. Através dela é possível disponibilizar frete mais barato no seu e-commerce, além de organizar a logística do seu negócio. Acesse a nossa calculadora de frete e faça uma experiência. Seus clientes e o seu e-commerce agradecem.

Confira também

Por 31 de agosto de 2018 às 2:37

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por 31 de agosto de 2018 às 2:37