Como uma plataforma de e-commerce pode ajudar a criar sua loja virtual?

Como uma plataforma de e-commerce pode ajudar a criar sua loja virtual?

Quer começar a vender online? Entenda a importância da plataforma por trás do e-commerce e quais são as possibilidades para criar a sua loja virtual

 

Decidiu abrir uma loja virtual para expandir seus negócios ou começar um novo empreendimento? Começar a vender online é um passo importante e que envolve planejamento.

Algumas dúvidas podem surgir durante o processo e uma delas é a escolha da plataforma. Esta servirá como a estrutura para sua loja virtual estar no ar e funcionando nas melhores condições para seus consumidores.

Quer entender melhor esse mercado? Continue lendo o post que preparamos.

 

Por que investir em um plataforma de e-commerce?

 

Quando uma empresa decide começar a vender online, ela tem algumas opções de canais com essa finalidade. Afinal, hoje é possível vender através de marketplaces e até mesmo pelas das redes sociais.

Mas o e-commerce próprio ainda é o canal que melhor se destaca nessa situação, principalmente, para passar mais segurança e credibilidade para o consumidor. Por isso, criar a sua própria loja online com certeza é uma ótima decisão, seja para expandir seus negócios através de mais um canal de vendas – além das lojas físicas – ou para iniciar um novo empreendimento criando uma marca do zero no ambiente online.

E a estrutura por trás de toda loja virtual é o que as plataformas oferecem: desde o gerenciamento do sistema de funcionamento (back-end) até a interface da sua loja (front-end).

É com o sistema da plataforma de e-commerce que você fará a gestão de muitas etapas da sua loja virtual, como o gerenciamento de estoque, atualização com novos produtos, coleta e armazenamento de dados dos clientes, acompanhamento dos pedidos, geração de relatórios e muito mais.

 

Você também pode se interessar: Quanto custa abrir uma loja virtual?

 

Mas antes de escolher, é importante entender as especificações de cada tipo de plataforma que você poderá encontrar nas suas pesquisas.

 

Quais são os tipos de plataforma para e-commerce?

 

Existem algumas opções disponíveis hoje quando falamos sobre venda online.

Para criar sua loja virtual, você pode seguir alguns caminhos. Conheça quais são essas opções para entender qual melhor se adapta às necessidades da sua marca:

 

Plataformas Open Source

De uso gratuito e código aberto, esse tipo de plataforma atrai muitos lojistas que querem o máximo de personalização e facilidade em acessar o código-fonte. Também pode atrair muitos lojistas que estão iniciando as venda pela internet, pelo fato de exigirem um investimento inicial mais baixo.

As possibilidades de customização são inúmeras e esse é realmente um ponto muito positivo das plataformas Open Source. A grande questão das plataformas Open Source é o fato de que elas são mais complexas para edição.

Afinal, da mesma forma que são mais personalizáveis, demandam um conhecimento mais aprofundado em programação e desenvolvimento, já que toda a implementação, manutenção e segurança da loja são de responsabilidade do lojistas.

Se em sua equipe você conta com um profissional desse ramo ou pretende contratar os serviços de um profissional autônomo para implementação da sua loja virtual, a plataforma Open Source é uma ótima opção.

Porém, utilizar esse tipo de sistema pode causar dores de cabeça caso você não tenha esse conhecimento técnico e nem tenha alguém que ajude com esse trabalho.

Vale lembrar que a resolução de problemas e erros pode ser também um pouco mais complicada, uma vez que esse tipo de plataforma não oferece nenhum tipo de suporte para uso.

 

Plataformas SaaS

Nesse formato, a sua loja virtual fica hospedada em nuvem por uma empresa especializada em oferecer a estrutura para sites de e-commerce. Funciona como se a sua loja contratasse um “aluguel” de um espaço para estar disponível para o público.

As possibilidades de personalização são mais limitadas e a customização depende do que cada plataforma oferece. Você, como lojista contratante, também não terá acesso ao código-fonte da plataforma, então depende da plataforma para atualizações e novas implementações de funcionalidades, por exemplo.

Como pontos positivos, a plataformas SaaS facilitam as integrações com meios de pagamento, diferentes formatos de envio e sistemas de segurança, além de normalmente já oferecerem diversas outras funcionalidades dentro da plataforma.

Além disso, se você tem pressa, essa talvez seja a melhor opção para a sua loja. Escolher uma plataforma SaaS significa uma implementação muito mais rápida, pois toda a estrutura já está pronta.

O pagamento para manter a sua loja virtual hospedada em um sistema SaaS é feito através de uma mensalidade e/ou taxa sobre as vendas. Normalmente as empresas que oferecem esse formato de plataforma também disponibilizam algumas opções de planos, com mais ou menos funções e integrações, para diferentes modelos e momentos da loja virtual que irá contratá-los.

Dessa forma, você também pode escolher qual investimento cabe no seu planejamento financeiro e faz sentido de acordo com as funcionalidades que você precisa.

 

Desenvolvimento próprio

Caso você não queira depender de nenhum plataforma já existente para criar seu e-commerce, o desenvolvimento também é uma opção. Assim, você pode desenhar sua loja virtual do zero e com todos os detalhes que você quer também.

Se essa for a sua escolha, todo o desenvolvimento da plataforma é feito com uma equipe especializada e, de todas as opções apresentadas, é a que apresenta o maior custo e maior tempo até a loja estar pronta para vender.

Grandes lojistas e redes de varejo muitas vezes optam por seguir esse caminho. A grande vantagem é que você é dono da sua própria plataforma e, depois do desenvolvimento e implementação, os custos de manutenção diminuem – lembrando que o suporte técnico continuará sendo necessário.

 

Como escolher a plataforma ideal?

 

Para acertar na escolha, pare e avalie quais são as suas necessidades, qual é o seu poder de investimento no momento e de quais recursos e funcionalidades você não abre mão. A partir daí (e conhecendo melhor os tipos de plataforma disponíveis), você saberá o que precisa para ter a sua loja no ar!

Avalie o cenário ideal para o que você nesse início, mas também pense a longo prazo, para não limitar o crescimento da sua loja.

 

Leia mais: Quais os principais pontos para escolher uma plataforma para loja virtual?

 

Inicialmente, a possibilidade de maior customização da loja virtual é muito atraente, mas nem sempre o que está por trás dessa vantagem é interessante para o seu negócio e investir na contratação de uma opção SaaS pode simplificar muitos pontos, para que você consiga focar em realmente vender.

Além disso, a maioria das plataformas com esse perfil disponíveis no mercado oferece várias opções de planos e contratações, que irão se adequar com as necessidades da sua marca. Vale prestar atenção nessas possibilidades antes de escolher qual a plataforma ideal para você.

Ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário e vamos te ajudar 🙂


*Este conteúdo foi produzido pela equipe da minestore. Conheça nossa plataforma de e-commerce e crie sua loja virtual sem limitações! Gostou do conteúdo? Acompanhe outros posts no nosso blog.

Confira também

Por 17 de abril de 2019 às 11:00

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por 17 de abril de 2019 às 11:00