Black Friday 2018: saiba como oferecer a melhor experiência

Garanta  a satisfação do público desde o primeiro clique na sua página e qualifique o desempenho de sua loja

 

Cerca de oito anos após chegar ao Brasil, a Black Friday deixou de ser uma desconhecida para ser hoje um grande marco de vendas. Se em 2014 somente 27% das pessoas sabiam o que era a data, em 2018 esse número subiu para 99,5% e consolidou o período como um dos mais promissores para compras do ano.

Os números integram um estudo realizado pelo Google com a Provokers, empresa de consultoria e pesquisa em marketing, apontou as tendências no comportamento dos consumidores e o que os vendedores online podem esperar da Black Friday 2018.

No levantamento, a experiência do usuário desponta entre os maiores insights a serem trabalhados para atrair novos clientes e também fidelizar os que já compraram no e-commerce.

 

Muito além de mais uma edição da Black Friday

 

Em um mundo onde todos estão conectados e são bombardeados por uma infinidade de opções, quem oferecer a melhor experiência aos consumidores venderá mais na Black Friday. Tanto agora, quanto depois dela.

Não esqueça de que o Natal vem logo após a Black Friday e há também o 13º salário para incentivar as pessoas a encher os carrinhos. Uma sugestão interessante é não pensar unicamente nessas datas-chaves como momentos isolados, e sim, como uma temporada.

Esta pode ser uma estratégia assertiva para otimizar as vendas do seu e-commerce nesta época e também para manter o crescimento conquistado a partir de agora.

 

A experiência do usuário é tudo

 

Você sabia que 78% das pessoas que tiveram a sua primeira experiência com uma loja durante a Black Friday voltam a procurá-la depois? Se engana quem pensa que basta oferecer valores competitivos para vencer a concorrência. A satisfação do cliente e o que realmente o leva a fechar a compra vão muito além do preço.

A pesquisa da Provokers aponta que a experiência vivida durante a jornada de compra abrange 25% dos atributos avaliados pelos brasileiros. Nesta área, atendimento online, velocidade e usabilidade do site estão entre os elementos que compõem o desempenho ideal de seu e-commerce.

A comercialização da Black Friday alcançou R$ 2,1 bilhões em 2017 e para este ano a estimativa é de chegar aos R$ 2,7 bilhões. Mas a expectativa de bater a marca do ano anterior precisa considerar a experiência do usuário, como ele experimenta o seu site. Isso inclui a participação de 50% dos dispositivos móveis no fechamento das compras.

 

Metade das compras são feitas via mobile

 

Em 2018 os smartphones e tablets saltaram de 10%, em 2012, para uma fatia de 70% do uso de dispositivos para pesquisas de produtos ou serviços. Temos aqui um setor que merece atenção!

Quem já desistiu de conferir um produto depois de ter dificuldade entendendo as informações da página, com ícones e botões pequenos demais para serem lidos na tela do celular? Fazer o consumidor se obrigar a dar zoom e deslizar de um lado para outro para conseguir ver o site completo é a fórmula perfeita do fracasso.

A menos que seu e-commerce se contente em agradar somente metade do público, dê importância a este tema. Contate o desenvolvedor da sua página ou procure um serviço para ajudá-lo a adaptar o seu conteúdo para proporcionar uma navegação agradável e clara também nos sistemas iOS e Android.

 

Cliente bem atendido

 

Depois de conferir os números que comprovam o alto risco de ignorar a importância da experiência do usuário na jornada de compra, você já pensou como os produtos irão chegar até seus consumidores?

Oferecer alternativas de frete com condições competitivas e com um bom serviço de rastreamento também podem ser diferenciais nos quais vale apostar! Conheça estas e outras vantagens acessando o Melhor Envio!

Confira também

Por 19 de novembro de 2018 às 2:01

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por 19 de novembro de 2018 às 2:01