Black Friday 2018: invista nas informações que vendem o seu e-commerce

Aumente sua visibilidade com SEO e saiba como turbinar sua página para subir posições nas buscas por produtos na internet

 

Você planejou cada etapa para turbinar as suas vendas e ser altamente competitivo na Black Friday 2018. Fez o dever de casa direitinho, definiu suas metas, como chegar até elas e tudo que é necessário para lucrar muito nesta época.  Mas o seu checklist inclui a personalização das informações que fazem os consumidores encontrarem o seu produto na internet?

Se a resposta for sim, seu e-commerce tem grande chance de decolar neste período que está entre as melhores datas do comércio no ano. Porém, se você ainda não pensou nisso, não se assuste!

Vamos ajudá-lo a otimizar o seu negócio com estratégias de SEO (Search Engine Optimization) e melhorar o posicionamento de suas páginas nos mecanismos de buscas como o Google, por exemplo.

Um levantamento encomendado pelo Google apontou que apenas 6% dos compradores não pesquisam antes de realizar a compra. Assim, temos um universo de vendas formado por 94% de consumidores que priorizam a busca por melhores opções antes de comprarem.

O estudo conduzido pela Provokers (empresa de consultoria e pesquisas de marketing presente em diversos países na América Latina) indicou também que 78% dos consumidores pretendem fazer compras nesta edição da grande febre de compras.

Continue com a gente e confira as técnicas que você pode usar para aumentar a visibilidade nas buscas orgânicas e entre com tudo nesta Black Friday.

 

SEO é a chave para fazer a sua melhor Black Friday

 

Se o processo de decisão de compra faz da internet uma fonte rica de informações sobre produtos ou serviços, seu e-commerce deve saber como atrair para si essa visibilidade e usá-la em seu favor.

Existem duas formas de conseguir isso, uma delas é otimizar sua página para aparecer “naturalmente” entre os primeiros resultados exibidos pelo Google, a chamada busca orgânica. Isso é quando  o usuário chega ao seu site espontaneamente após buscar produtos ou serviços relacionados à sua página.

A outra forma é investir em anúncios pagos, que são os links patrocinados. Estes aparecem no topo da pesquisa com a identificação de que são anúncios.

No caso do tráfego orgânico, o foco está na relação entre a relevância do conteúdo e o que foi digitado pelo usuário na barra de pesquisa.

O uso de estratégias de SEO ajuda sua página a ser encontrada mais facilmente pelo público interessado em comprar o que você vende.

 

Personalize seu conteúdo

 

Comece com uma consulta de palavras-chave sobre o seu segmento. O mercado oferece ferramentas gratuitas como o Google Trends e o Ubbersugest, capazes de ajudá-lo a descobrir os termos que estão sendo buscados na rede.

Mas por que ter este trabalho? Pelo fato de o Google utilizar um conjunto de critérios para estabelecer a importância de uma página e definir em qual posição ela irá aparecer no ranqueamento de páginas encontradas.

As páginas mais relevantes são as que oferecem as melhores experiências. Ou seja, são as páginas mais acessadas, onde os leitores passam mais tempo e onde realizam compras. O mesmo não ocorre com aquelas que não atendem esses requisitos.

A forma como o Google interpreta a sua página é fundamental para classificar o conteúdo que você oferece e definir em qual posição ele será exibido aos usuários. Um bom exercício é pensar nas expressões que o público usaria para encontrar informações sobre o seu produto. Por exemplo: “monitor para computador de led”.

Também pense no título da sua página. O Google exibe apenas até 63 caracteres, então use este número como limite máximo do tamanho do título da página.

 

Palavras que levam à venda

 

As palavras-chave devem ser distribuídas ao longo da publicação, o que inclui texto e intertítulos. Entretanto, tenha bom senso e não exagere na dose!  O abuso pode ser identificado pelo Google e sua estratégia ter o efeito contrário, ou seja, causando a queda no ranqueamento.

Por garantir um bom desempenho, insira as expressões buscadas no primeiro parágrafo do texto e também no primeiro intertítulo. Assim, você garante que sua página será encontrada por clientes em potencial.

 

Conclua sua estratégia com chave de ouro

 

Agora que você conheceu algumas ações para tornar o seu e-commerce mais competitivo na Black Friday 2018, seja assertivo também na entrega dos produtos.

Com o Melhor Envio, você otimiza os seus fretes e tem acesso a mais opções de envio. Acesse a plataforma em www.melhorenvio.com.br e escolha a cotação que cabe no seu bolso.

Confira também

Por 14 de novembro de 2018 às 2:22

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por 14 de novembro de 2018 às 2:22